Fale Conosco
  • phone
    (11) 3621-3080
  • (11) 94224-3080
  • location_on

    Rua Dom Pedro Henrique De Orleans E Bragança, 929 Vila Jaguara - São Paulo/ SP

Deixe sua Mensagem

    Saiba tudo sobre a folha de pagamento: o que é, seu cálculo e desoneração

    Folha De Pagamento O Que é, Seu Cálculo E Desoneração - Contabilidade na Zona Oeste - SP | Assepeme - Saiba tudo sobre a folha de pagamento: o que é, seu cálculo e desoneração

    Folha de pagamento: entenda como calculá-la e como funciona sua desoneração

    Saiba tudo sobre a folha de pagamento e garanta que seus funcionários estejam sempre recebendo o valor certo e na data certa. Além disso, fique atento às regras da desoneração da folha de pagamento e aproveite para reduzir a carga tributária da sua empresa.

    A folha de pagamento é um dos aspectos mais importantes de qualquer negócio.

    É o processo de calcular e pagar os funcionários por seu trabalho, e deve ser feito, de forma precisa e eficiente, para manter os funcionários satisfeitos e a empresa funcionando, sem problemas. 

    Elaborar e calcular a folha de pagamento pode ser um processo complexo, mas compreendê-la e gerenciá-la, adequadamente, é essencial para qualquer negócio. 

    Ao ter uma boa compreensão da folha de pagamento, as empresas podem assegurar que seus funcionários sejam pagos, com precisão e dentro do prazo, e que todos os impostos e deduções necessários sejam tratados, evitando problemas legais e trabalhistas.

    Por isso, neste artigo, discutiremos o que é a folha de pagamento, como ela é calculada e como funciona a sua desoneração.

    Confira!

    O que é a folha de pagamento?

    A folha de pagamento é um documento que contempla todas as informações referentes ao pagamento dos funcionários de uma empresa. 

    Nela constam o valor do salário, os descontos realizados e o valor líquido a ser depositado ou entregue ao funcionário.

    Trata-se de um documento obrigatório, conforme o artigo 225 do Decreto 3048/1999. Conforme o artigo, as empresas são obrigadas a preparar a folha de pagamento referente a remuneração paga, devida ou creditada ao empregado.

    Além de ser uma obrigação, a folha de pagamento também desempenha função operacional, contábil e fiscal, sendo de extrema importância para o bom funcionamento da empresa.

    O que deve constar na folha de pagamento?

    É importante esclarecer não haver um modelo padrão para esse documento. Desse modo, ele pode ser adaptado segundo os critérios de interesse de cada empresa.

    Mas, atenção: todos os dados principais precisam ser apresentados de forma clara. Contudo, que dados principais são esses? O que deve constar na folha de pagamento?

    Então, os principais dados, você confirma abaixo:

    • Dados do empregador;
    • Nome do funcionário;
    • Cargo, função ou serviço prestado;
    • Descontos e seus respectivos valores;
    • Número de dias trabalhados;
    • Valores de adicionais;
    • Valores de horas extras e adiantamentos;
    • Valor do salário bruto e do salário líquido a ser pago.

    Descontos da folha de pagamento

    Dentre os principais descontos, podemos citar:

    • Desconto de Previdência;
    • Imposto de renda;
    • Faltas e atrasos;
    • Contribuição sindical;
    • Vale-transporte;
    • Adiantamentos.

    Proventos da folha de pagamento

    Já em relação aos principais proventos, temos:

    • Salário;
    • Horas extras;
    • Adicional noturno;
    • Adicional de insalubridade;
    • Adicional de periculosidade;
    • Diárias para viagens.

    Como elaborar a folha de pagamento?

    Agora que você já sabe o que é a folha de pagamento, e o que deve constar nesse documento, fica mais fácil entender como elaborá-la.

    Desse modo, veja as etapas abaixo:

    Controle as admissões e demissões

    Essa etapa é fundamental para que você não acabe realizando o pagamento indevido de salários, como pagar funcionários que já não fazem parte da empresa e esquecer de pagar funcionários recém-contratados.

    Classifique as categorias de funcionários

    Essas categorias são regulamentadas por convenções coletivas e apresentam especificações relacionadas aos benefícios e direitos dos trabalhadores, bem como as normas para o cálculo da folha.

    Calcule as horas de trabalho

    Para isso, é necessário analisar alguns fatores importantes, como o registro das horas trabalhadas, horas extras, faltas, atestados médicos, etc.

    Conheça bem os descontos e proventos da folha de pagamento

    É fundamental se atentar a esses detalhes na hora de calcular e elaborar a folha de pagamento.

    Vale ressaltar que também é importante apresentar o FGTS no documento, mesmo que ele não represente um desconto em folha.

    Escolha um sistema de folha de pagamento

    Utilizar a tecnologia como aliada é fundamental para evitar erros e otimizar o tempo.

    Desse modo, não hesite em automatizar esse processo.

    Para isso, é possível utilizar planilhas ou algum software específico, sendo o software uma opção muito mais interessante por apresentar maiores recursos.

    Como calcular a folha de pagamento?

    O cálculo da folha de pagamento é feito considerando o salário bruto, ou seja, o valor a ser recebido pelo funcionário, acrescido de eventuais adicionais, como horas extras e gratificações. 

    Ao salário bruto são subtraídos os descontos, tais como imposto de renda, INSS, plano de saúde e outros. O resultado é o valor líquido a ser pago ao funcionário.

    Para realizar esse cálculo, de forma efetiva, é necessário ter alguns cuidados, como:

    1. Conferir o registro atualizado de admissões e demissões;
    2. Realizar o fechamento do controle de ponto;
    3. Ter o registro atualizado de todos os benefícios e descontos para não realizar descontos indevidos ou deixar de realizar descontos.

    Mas e a desoneração da folha de pagamento?

    A desoneração da folha de pagamento é uma forma de reduzir a carga tributária sobre a folha de pagamento. 

    Com a desoneração, a empresa paga o INSS sobre sua receita bruta, sendo essa contribuição calculada, de acordo com um percentual, que varia de 1% a 4,5% segundo o setor econômico.

    Isso consiste em uma importante redução da carga tributária, porque a contribuição convencional sobre a folha apresenta o pagamento de 20% sobre o valor das remunerações dos funcionários.

    Conte com especialistas para garantir a correta gestão de sua folha de pagamento

    Com o apoio de especialistas em gestão de departamento pessoal é possível se preparar para enfrentar os desafios envolvendo assuntos trabalhistas e de departamento pessoal da sua empresa, como admissão e demissão, elaboração e cálculo da folha de pagamento.

    Portanto, se você deseja ter menos preocupações, garantir processos 100% seguros, ter atendimento personalizado e evitar processos trabalhistas, entre em contato conosco hoje mesmo.

    Aguardamos a sua mensagem!

    FONTE: ABRIR EMPRESA SIMPLES

    CLIQUE AQUI PARA CONTAR COM A NOSSA GESTÃO DE DEPARTAMENTO PESSOAL!

    Rate this post

    Marcadores: